IGREJA APOSTÓLICA VIDA ABUNDANTE

IGREJA APOSTÓLICA VIDA ABUNDANTE
2017 Ano da Paternidade

segunda-feira, 9 de junho de 2014

Cristãos se reúnem em bares para tomar cerveja e estudar a Bíblia

Cristãos se reúnem em bares para tomar cerveja e estudar a Bíblia
Um casal cristão que sofria com os horários de trabalho, e muitas vezes era impedido de frequentar os cultos aos domingos pela manhã, encontrou uma forma de conciliar o trabalho e a fé, e criou um grupo de estudo da Bíblia no bar onde trabalham.
O inusitado do grupo é que, a leitura da Bíblia é regada a cervejas. A iniciativa, que tinha como intenção reunir os amigos mais próximos do casal, virou algo maior e agora os interessados em participar recebem convites pelo Facebook.
Um blogueiro amigo do casal publicou em sua página na rede social o convite às pessoas de todas as origens e religiões para participarem da “conversa a partir da leitura do Evangelho segundo João”
A dona do bar, Kelsey Dellinger, apostou na iniciativa e ofereceu US$ 1 de desconto em cada copo de cerveja que o grupo de estudos da Bíblia tomasse: “Certamente não é único estabelecimento que tem permitido estudo bíblico e encontros de grupos ligados a igrejas. Todos [os bares da cidade] têm grupos assim que mantêm encontros regulares”
De acordo com informações da CNN, o público cristão tem voltado a tomar cerveja e essa é uma tendência mundial, e citou como exemplo a iniciativa recente do pastor John Donnelly, que lançou o grupo “Beer, Bible and Brotherhood” (que significa Bíblia, Cerveja e Irmandade).
O jornalista Marcio Beck, do jornal O Globo, comentou que fé e cerveja nem sempre foram sinônimo de pecado: “Até uma recente onda de moralismo (coisa de dois séculos atrás até agora), muitos religiosos cristãos tiveram ligações estreitas com a produção de bebidas fermentadas. Não é a toa que as cervejas da Europa mais cobiçadas por especialistas são produzidas em monastérios católicos. A Igreja Católica tem até um santo patrono dos cervejeiros, Arnulf de Metz”, comentou.

Nenhum comentário:

Postar um comentário