IGREJA APOSTÓLICA VIDA ABUNDANTE

IGREJA APOSTÓLICA VIDA ABUNDANTE
2017 Ano da Paternidade

segunda-feira, 2 de julho de 2012

Terrorista acusado de ataques contra igrejas na Indonésia é condenado

Terrorista acusado de ataques contra igrejas na Indonésia é condenado
Na semana passada foi condenado na Indonésia um homem acusado de coordenar diversos ataques a igrejas, em Jacarta, na véspera de Natal do ano 2000, como parte de um grande ataque a 25 igrejas de onze cidades, por militantes do grupo islâmico, Jemaah Islamiyah.
Umar Patek foi considerado culpado de seis acusações, incluindo assassinato, fabricação de bombas e terrorismo. Ele foi condenado também por fabricar explosivos que foram usados nos atentados de Bali, em 2002, nos quais 202 pessoas morreram, a maioria estrangeiros.
De acordo com o The Christian Post, Patek era um dos terrorista mais procurados do país e havia passado cerca de dez anos escondido, até ser descoberto na cidade paquistanesa de Abbottabad, vários meses antes de Osama Bin Laden ser morto na mesma cidade.
Apesar de a promotoria pedir a pena de morte para o terrorista, ele recebeu uma sentença mais branda, por ter cooperado com a polícia, e por ter feito um pedido público de desculpas às famílias das vítimas, aos cristãos e ao governo. Umar Patek foi condenado a 20 anos de prisão.
Patek era o último acusado dos atentados de Bali, que esperava julgamento. Entre os outros terroristas, alguns foram executados, outros mortos em batidas policiais, e os demais estão cumprindo prisão perpétua.
Fonte: Gospel+

Nenhum comentário:

Postar um comentário