IGREJA APOSTÓLICA VIDA ABUNDANTE

IGREJA APOSTÓLICA VIDA ABUNDANTE
2017 Ano da Paternidade

quinta-feira, 31 de maio de 2012

Senador Demóstenes Torres afirma em depoimento que acusações de corrupção o fizeram “reecontrar Deus”


Senador Demóstenes Torres afirma em depoimento que acusações de corrupção o fizeram “reecontrar Deus”
O senador pelo estado de Goiás, Demóstenes Torres (sem partido), afirmou em depoimento ao Conselho de Ética do Senado, nesta terça-feira, 29/05, que as acusações de corrupção contra ele o fizeram “reencontrar Deus”.
Demóstenes é acusado de envolvimento no esquema de corrupção investigado pela CPI do Cachoeira, e afirmou estar vivendo seu “pior momento”.

De acordo com o senador, ex-líder do partido Democratas, sua conduta até então ignorava a Deus: “Eu só pude chegar aqui hoje porque quero dizer aos senhores que redescobri Deus. Parece um fato pequeno, mas acho que minha atuação era pautada mais pelos homens do que por Deus. Se eu cheguei aqui, foi porque readquiri a fé. Graças a Deus posso estar aqui para conversar com as senhoras e os senhores”, afirmou, segundo informações da Folha Online.
Acusado de adquirir um imóvel de valor superior à sua renda, Demóstenes afirmou que “muita coisa que foi dita é desmentida pelos próprios autos” do inquérito da PF, e afirmou que sua casa foi comprada em prestações: “Até fevereiro deste ano eu morava na casa da minha enteada. Comprei um apartamento no ano passado no valor de R$ 1,2 milhões, R$ 400 mil pagos pela minha esposa e R$ 800 mil financiados pelo Banco do Brasil. Vou terminar de pagar a última prestação quando eu tiver 80 anos de idade”.
Demóstenes Torres também relatou estar sofrendo de depressão, e que os medicamentos para dormir que tem tomado não tem efeito. Segundo ele, por causa de sua esposa, filhos, neto e irmãos, quer provar sua inocência: “Confesso para os senhores que pensei nas piores coisas. Pensei em renunciar ao meu mandato. E o simples fato de eu ter contato com as pessoas que depois, eu pude ver, o tanto que eu fui cruel com os outros”, afirmou.
Fonte: Gospel+

Irã ameaça: “Se a Síria for atacada, Israel será destruído”

Irã ameaça: “Se a Síria for atacada, Israel será destruído”
Ali Larijani, assessor do líder supremo do Irã, disse que o que tem ocorrido na Síria não se assemelha de maneira nenhuma com o que ocorreu na Líbia. Segundo Larijani, uma intervenção militar na Síria “se espalhará pela Palestina, e as cinzas dessa chama enterrarão definitivamente o regime sionista (Israel)”.
A declaração foi recebida como ameaça. Ela foi feita após o Ocidente criticar severamente o massacre promovido pelo governo sírio na cidade de Houla. O ministro da Defesa Ehud Barak afirmou que o silêncio do mundo em relação aos acontecimentos na Síria preocupam Israel devido às ameaças iranianas.
“Israel, diferentemente de outros países e potências mundiais, não pode se abster do desafio. Tendo em consideração o lugar onde nos encontramos, a ameaça iraniana é muito significativa.”
Para o ex-comandante do exército israelense Gaby Ashkenazy, “a estratégia correta e preferível, que corresponde a todos os interesses de Israel, deve ser o que já se tem ouvido falar: um sistema secreto, apoiado em sanções econômicas, políticas e, sobretudo, com a disponibilidade de uma força militar confiável e treinada”.
“Quanto às relações Washington (EUA) e Jerusalém”, acrescentou, “Parece que entre os líderes não há um nível de intimidade suficiente para cristalizar um compromisso mútuo. É importante esgotar todos os recursos antes de escolher a opção militar”.
O porta-voz iraniano deixou bem claro que o parlamento do seu país apoia as reformas “democráticas” realizadas pelo governo de Assad, responsável pela matança de milhares de cidadãos sírios.
Fonte: Gospel+

Após conversão ao evangelho, ex-goleiro Bruno será batizado nas águas em culto no presídio

Após conversão ao evangelho, ex-goleiro Bruno será batizado nas águas em culto no presídio
O ex-goleiro do Flamengo, Bruno Fernandes, preso sob acusação de sequestro e morte da modelo Eliza Samúdio, será batizado nas águas hoje, 21/05, de acordo com informações publicadas por sua noiva, Ingrid Calheiros, no Facebook.
Bruno, que havia frequentado a Igreja Batista Gêtsemani antes do sucesso no esporte, voltou ao evangelho após sua prisão, e contou à família sua decisão de se batizar após conseguir a liberdade condicional, de acordo com informações do The Christian Post.
A noiva do jogador agradeceu a Deus pelo passo de decisão que Bruno tomou: “Uma nova Criatura em Cristo Jesus, obrigado Deus, tu sabes de todas as coisas! Em tudo na nossa vida é um propósito de Deus, e o propósito do Bruno se cumpre amanhã [hoje], em nome de Jesus, Amém”, publicou Ingrid.
Ingrid não poderá comparecer por estar com dengue, mas divulgou a notícia com entusiasmo: “Amanhã [hoje] é um dia de muita alegria para mim! Meu marido vai ser batizado nas águas na igreja da penitenciária! Eis que Deus fará nascer um novo homem!”.
A avó de Bruno, Estela de Souza, comparecerá à cerimônia de batismo do ex-goleiro, como representante da família.
Fonte: Gospel+

Pastor pentecostal conhecido por manusear cobras durante ministrações morre após ser mordido por uma cascavel

Pastor pentecostal conhecido por manusear cobras durante ministrações morre após ser mordido por uma cascavel
Um pastor pentecostal norte-americano conhecido por manusear cobras durante suas pregações, foi mordido por uma cascavel e faleceu no último domingo, 27/05.
Mack Wolford, 44 anos, era filho de um pregador que também havia se tornado conhecido por manusear cobras durante os sermões, e que morreu aos 39 anos após ser mordido por uma cobra. Nessa época, Mack tinha apenas 15 anos.
O pastor acreditava que a Bíblia sugere aos cristãos que lidem com cobras como prova de fé em Deus. Mack Wolford possuía oito cobras em sua casa, e já havia sido picado anteriormnete.
Segundo o jornal norte-americano “The Washington Post”, Wolford costumava dançar com as cobras, e até deitar próximo a elas.
O acidente que culminou com a morte do pastor ocorreu após um culto no último domingo, quando o pastor convidou alguns fiéis a manusearem as cobras. Durante o manuseio, Wolford sentou próximo a uma das suas cascavéis e foi mordido na coxa.
Segundo relato dos presentes, o pastor foi levado para sua casa, porém como não melhorou, foi levado ao hospital, porém não resistiu.
Um especialista em cobras declarou ao Washington Post que a “morte por mordida de cascavel é insuportável. O veneno ataca o sistema nervoso, e é cruel e horrível quando acontece”.
Fonte: Gospel+

terça-feira, 29 de maio de 2012

EX-BISPO DE EDIR MACEDO

Renato Suhett renuncia título de bispo para ser consagrado padre

   O ex bispo da Igreja Universal do Reino de Deus, Renato Suhett, foi ordenado a reverendo, cargo semelhante ao de padre, da Igreja Epsicopal Latino do Brasil, após renúncia ao episcopado na denominação liderada por Edir Macedo.Renato Suhett ficou conhecido mundialmente como o braço direito do bispo Macedo, e por gravar dez CDs de música gospel.
  Em seu histórico na Universal, Suhett chegou a comandar a igreja nacionalmente, e após romper com a denominação, se afastou. Tempos depois, retornou à igreja, foi novamente consagrado a pastor e se tornou responsável pela IURD no México.
  Em 06 de abril  de 2012, Renato Suhett divulgou comunicado em seu blog pessoal anunciando sua ruptura com a IURD, abrindo mão “em caráter irrevogável, de renunciar ao episcopado” exercido na “Igreja Universal do Reino de Deus e em outras Igrejas”.
  Suhett alegou ilegitimidade de seu cargo, pois segundo ele a consagração não se deu por um apóstolo com linhagem de sucessão: “A minha consagração [...] não apresenta validade, uma vez que não estamos de acordo com o método de trabalho ali [na Igreja Universal do Reino de Deus] realizado; por ter sido [a consagração]realizada fora da sucessão apostólica e numa Igreja que não se adéqua a nossa maneira de entender como deve ser realizado esta Obra, a qual, não sendo do homem, pertence ao Senhor Deus, sendo por Ele instituída e tendo Jesus Cristo, Nosso Senhor, como cabeça”.
  A consagração de Suhett, que é casado, ao cargo de reverendo na Igreja Anglo-Católica, como é conhecida a Igreja Episcopal, se deu no último dia 20 de maio, na cidade de Esmeraldas, MG, pelo Arcebispo Anglo Católico Dom Lucas Macieira da Silva, segundo informações do blog Momento Verdadeiro.De acordo com a descrição publicada pelo próprio Suhett, a Igreja Anglo Católica é uma dissidência da Igreja Católica Apostólica Romana, e segue tradições que incluem princípios católicos e protestantes.


segunda-feira, 28 de maio de 2012

Vaticano prende responsável por vazar documentos secretos


Uma pessoa foi detida no Vaticano por posse de documentos secretos na investigação que a polícia vaticana realiza pelo vazamento de notícias reservadas ao papa, anunciou nesta sexta-feira (25) o porta-voz da igreja.
“A pessoa foi detida com documentos confidenciais”, afirmou o padre Federico Lombardi, ao se referir à investigação aberta pelas autoridades internas vaticanas devido ao vazamento de centenas de cartas e documentos reservados ao papa Bento 16 sobre temas polêmicos internos.
A investigação da polícia foi autorizada por uma comissão de cardeais e é de responsabilidade do chamado “procurador” de justiça do Vaticano. Segundo Lombardi, em declarações à imprensa, a pessoa detida está à disposição da magistratura do Vaticano. O nome e o cargo do  indivíduo não foi informado.
Segundo o jornal italiano Il Foglio, os documentos internos foram vazados pelo “mordomo” do Papa, embora a publicação não descarte que se trate apenas de um “bode expiatório” para apresentar rapidamente um culpado.
O anúncio da prisão, algo inédito no Vaticano, ocorre um dia após a destituição do presidente do Banco do Vaticano, o Instituto para as Obras Religiosas (IOR), Ettore Gotti Tedeschi, exonerado por “não ter cumprido com seu dever”. A demissão de Tedeschi foi decidida ao término de uma guerra interna pela aplicação das normas internacionais para a transparência e contra a lavagem de dinheiro sujo.
Em janeiro, documentos confidenciais divulgados pela imprensa italiana – o escândalo batizado como “Vatileaks”, confirmaram as lutas internas para o cumprimento das normas sobre a transparência.
Há um mês, Bento 16 criou uma comissão formada por três cardeais para investigar o vazamento reiterado de documentos internos.
A publicação nesta semana de uma série de cartas confidenciais dirigidas ao papa sobre temas delicados, como as intrigas do Vaticano ou os escândalos sexuais do padre mexicano Marcial Macial, em um livro gerou desconcerto e incômodo na Santa Sé.
Para o autor do livro, com o título “Sua santidade, as cartas secretas de Bento XVI”, escrito por Gianluigi Nuzzi, autor do bem-sucedido “Vaticano SA” (“Vaticano Sociedade Anônima”), sobre as finanças da igreja, “emergem os confrontos secretos e as armadilhas em todos os níveis” que se espalham nos palácios apostólicos.
Este é o mais comprometedor vazamento de documentos na história recente do Vaticano, que, por isso, anunciou ações legais contra o que classificou de “crime”.

Primeiro CD da dupla ‘Para Nossa Alegria’ entra em pré-venda


Já está disponível para pré-venda o primeiro CD da dupla Jefferson e Suellen, os irmãos que ficaram famosos pela gravação da música “Galhos Secos”, e que ficou conhecida como “Para Nossa Alegria”. A notícia foi divulgada no twitter oficial da dupla.
Contratados pela Salluz Produções, os jovens evangélicos fizeram um trabalho divertido que deve agradar desde crianças até adultos, como adiantou a direção da gravadora no momento de fechar o contrato. “Entre o fim de maio e início de junho o grande público pode esperar um trabalho muito divertido com canções que irão alegrar os ouvintes de todas as idades e classes sociais”.
O vídeo caseiro postado por uma amiga de Jefferson e Suellen fez tanto sucesso, que eles já foram convidados para participar de diversos programas de TV, sempre fazendo muito sucesso.
Não há informações se no CD há canções gospel nem se eles conseguiram a autorização para regravar o sucesso da Banda Êxodo.
Fonte: Gospel Prime

Famílias na extrema pobreza e ‘invisíveis’ chegam a 700.000 no Brasil


Um ano atrás, o governo federal pôs em andamento uma operação para localizar os chamados miseráveis invisíveis do Brasil – aquelas famílias que, embora extremamente pobres, não estão sob o abrigo de programas sociais e de transferência de renda, como o Bolsa Família. Na época, baseado em dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), o Ministério do Desenvolvimento Social estabeleceu como meta encontrar e cadastrar 800 mil famílias até 2013. Na semana passada, porém, chegou à mesa da ministra Tereza Campello, em Brasília, um número bem acima do esperado: só no primeiro ano de busca foram localizadas 700.000 famílias em situação de extrema pobreza e invisíveis.
Considerando apenas o chefe da família, isso corresponde à população de João Pessoa (PB). Se for levada em conta toda a família, com a média de quatro pessoas, é uma Salvador inteira que estava fora dos programas.
O resultado da operação, conhecida como busca ativa, também surpreende pelas características dessa população: 40% das famílias invisíveis estão em cidades com mais de 100.000 habitantes.
Com o desdobramento e a análise das estatísticas, é provável que se constate que a maioria dos miseráveis invisíveis não estão nos grotões das regiões Norte e Nordeste, como quase sempre se imagina, mas na periferia dos centros urbanos.
“Estamos falando de famílias extremamente pobres que até agora não faziam parte do cadastro único do governo federal e por isso não eram vistas na sua integridade, de acordo com suas necessidades e carências”, observa a ministra Tereza Campelo. “Podiam ter filhos na escola, mas não tinham acesso ao básico dos programas sociais, como o Bolsa Família, a tarifa social de energia elétrica e outras ações”.
Para chegar a essas pessoas o ministério partiu do princípio de que, por algum motivo, elas não conseguiam chegar aos serviços de assistência social das prefeituras e pedir a inscrição no cadastro único. “Era preciso sair dos escritórios. Mobilizamos prefeituras, agentes de saúde, empresas de distribuição de energia elétrica”, conta Tereza. “As prefeituras estão sendo remuneradas por esse trabalho”.

REDE JUVENIL SEXTA FEIRA 13 JULHO A SUA SORTE IRÁ MUDAR!


terça-feira, 22 de maio de 2012

Marcha para Jesus mobilizou 300 mil pessoas e contou com protestos contra o PL122

Marcha para Jesus mobilizou 300 mil pessoas e contou com protestos contra o PL122
Marcha para Jesus 2012 no Rio de Janeiro reuniu evangélicos de diversas denominações no centro da cidade e artistas de música gospel, além de pastores e líderes.
O evento começou às 14h40 e percorreu o trecho entre a estação Central do Brasil e o Theatro Municipal com o acompanhamento de sete trios elétricos.
A Marcha para Jesus contou com a presença dos cantores Thalles Roberto, Régis Danese, Eyshila, Davi Sacer, Nani Azevedo, Léa Mendonça, Jozyanne, Jotta A, e os ministérios Apascentar, Renascer Praise, Gospel Night, Kainón.
A divergência em relação à quantidade de pessoas presentes no evento, mais uma vez marcou essa edição da Marcha para Jesus. Segundo a Polícia Militar, 100 mil pessoas estiveram presentes, enquanto que os organizadores estimam os participantes em 300 mil, de acordo com informações do jornal Extra.
Este ano, a Marcha para Jesus contou com promoção da TV Globo no Rio de Janeiro, e foi tema de reportagens nos telejornais da emissora. Estiveram presentes o prefeito Eduardo Paes e o senador Lindbergh Farias. Houve contribuição financeira por parte da prefeitura do Rio, na ordem de R$ 2,48 milhões, de acordo com informações do jornal “O Globo”.
A Marcha para Jesus teve como tema a defesa pelas liberdades de expressão e religiosa, a vida e a família tradicional. “A marcha está fazendo um protesto contra a PL 122, a dita lei da homofobia, mas que, para nós é uma lei do privilégio. É uma lei para botar mordaça na sociedade para ninguém expressar opinião contra os homossexuais. Esse projeto de lei fere a constituição afirmando que, se um homossexual se sentir constrangido, filosoficamente ou ideologicamente, pode levar a pessoa que o constrangeu a pegar cinco anos de cadeia”, protestou o pastor Silas Malafaia.
O pastor afirmou ainda que o povo evangélico “não tem nada contra a prática do homossexualismo”, e ressaltou que “cada um segue o que quer ser”.
Ao coro de “Governador, autoridades, é Jesus Cristo quem comanda essa cidade”, os milhares de participantes caminharam e festejaram durante o evento. “O bacana desta marcha é ser uma festa do povo evangélico de tudo que é igreja. Não tem gente só da minha igreja, mas de várias, e todos os fiéis estão com muita vibração”, ressaltou Malafaia.
Segundo a organização do evento, cerca de 300 ônibus foram usados no transporte de fiéis das regiões mais afastadas da cidade e também das regiões do Lago e Serrana, além da baixada fluminense.
Marcha para Jesus no Paraná
Neste sábado, 19/05, também foram realizadas Marchas em Curitiba e Cascavel. Na capital paranaense, o evento reuniu 150 mil pessoas, com 17 trios elétricos, de acordo com a PM. Em Cascavel, aproximadamente 500 pessoas se reuniram para marchar no evento.
Confira abaixo, vídeos e fotos da Marcha para Jesus 2012:



Hamas declara: “Não haverá acordo de paz duradouro com Israel”

Hamas declara: “Não haverá acordo de paz duradouro com Israel”
Na capital do Egito, Abu Marzouk, um dos líderes do movimento extremista palestino Hamas disse que quanto ao estabelecimento de um tratado de paz com Israel, o Hamas consideraria qualquer acordo como uma “trégua”, não como um tratado permanente, duradouro.
Marzouk declarou que o seu grupo não reconhecerá Israel como país. Ele também afirmou que enquanto está debaixo de um acordo de reconciliação com o Fatah – dirigido por Mahmoud Abbas, presidente da Autoridade Palestina – o Hamas não contrariará as negociações dessa outra facção com Israel, mas defende que todos os posicionamentos sejam aprovados ou não pela opinião pública palestina, incluindo os refugiados.
Parte da liderança do Hamas acusa o chefe do escritório político, Khaled Mashaal, de abrir muitas concessões para a facção palestina do Fatah, dando-lhes também “a oportunidade de negociar” com Israel.
Fonte: Gospel+

Assista ao vídeo e entenda por que Israel reivindica fronteiras defensáveis

Assista ao vídeo e entenda por que Israel reivindica fronteiras defensáveis
As negociações entre Israel e a Autoridade Palestina pela criação de um Estado palestino têm sido frustradas devido a uma série de divergências entre israelenses e palestinos. Uma das reivindicações mais fortes do judeu é o estabelecimento de fronteiras defensáveis. O Centro de Assuntos Públicos de Jerusalém, procurando esclarecê-las, produziu um vídeo que descreve as ameaças a Israel por meio de foguetes terroristas, mísseis, e outras formas já convencionais. Assista:

“A salvação não é exclusividade do cristianismo”, afirmam Ricardo Gondim e Jumg Mo Sung. Veja vídeo

“A salvação não é exclusividade do cristianismo”, afirmam Ricardo Gondim e Jumg Mo Sung. Veja vídeo
Nos últimos dias circulou na internet um vídeo no qual o pastor da Igreja Betesda, Ricardo Gondim, fala sobre o conceito de salvação e questiona as definições do termo adotadas pela igreja evangélica atual. Produzida em 2008, a entrevista voltou a circular na internet na última semana e tem causado polêmica em sites e blogs.
No vídeo, Gondim questiona a visão de salvação defendida pelas igrejas evangélicas afirmando: “Essa expressão salvação está muito desgastada. O que estamos entendendo como salvação? Carimbar o passaporte de todo mundo de que vai pro céu? E poupar as pessoas de arder no caldeirão de enxofre por toda a eternidade? Eu acho que essa visão medieval de salvação precisa ser repensada pela igreja evangélica”. Afirmando que outras religiões também podem promover salvação, o pastor completou: “Eu não descarto que existem outras formas de promover vida no mundo, e o cristianismo deve acolher essas formas”.
O teólogo Jung Mo Sung, professor da Universidade Metodista de São Paulo, também é entrevistado no vídeo e dá sua opinião sobre o tema: “A teologia cristã, a fé cristã, diz que a salvação é uma graça de Deus e que o espírito de Deus sopra onde quer. Então, a minha fé cristã me diz que a salvação não pode ser exclusiva do cristianismo. Primeiro porque não é cristianismo que oferece salvação, é Deus que oferece salvação”. O professor completa afirmando: “Minha fé me diz que salvação vai além da minha religião”.
Renato Vargens, do blog Púlpito Cristão, foi um dos blogueiros que comentou as entrevistas veiculadas através do polêmico vídeo. Segundo ele “o vídeo relativiza um dos principais assuntos das Escrituras”. Vargens dá sua opinião sobre o tema afirmando: “Ao contrário de Gondim que considera o tema medieval, acredito que a salvação é um tema extremamente atual. Acredito também, por intermédio das Escrituras que a salvação vem por Jesus, através de Jesus e mediante Jesus e que não se é possível ser salvo, fora de Cristo, portanto, o budismo, o espiritismo, e qualquer outro ismo não possuem poder para redimir o homem de seus delitos e pecados”.
Vargens diz ainda que “salvação é o principal assunto da Bíblia”. E que “do Gênesis ao Apocalipse as Escrituras apontam para a salvador da humanidade”.
Em seu blog, Gondim comentou sobre as constantes críticas que recebe por causa de seus questionamentos e afirmanções. Afirmando ser constantemente bombardeado, o pastor desabafa: “Perguntas, inquietações, constrangimentos se amontoam. Quase todos os dias alguém chega para contar que ‘pastor fulano acabou com você no sermão do domingo,. Não passa uma semana sem que recadinhos desaforados entulhem os contatos do site. Já me xingaram com todos os predicados que a piedosa linguagem gospel permite”.
O pastor diz ainda que segue em busca daquilo que faz sentido para ele, e afirma: “Alio-me a pessoas que não se acovardam naquilo que pensam, sentem, refletem”.
Assista ao vídeo com as entrevistas:

segunda-feira, 21 de maio de 2012

VEJA AS FOTOS DO CONGRESSO DE FAMÍLIA 2012

 MOMENTOS MARCANTES DO CONGRESSO DA FAMÍLIA 2012






PASTORES ROGÉRIO E LÉIA BITENCOURT BENÇÃO DE DEUS NESTE CONGRESSO1

 OLHA O ANDRÉ DALTRO AÍ NO ESTILO!
CAFÉ DA COMUNHÃO!